Qual a melhor forma de acumular milhas?

Além de ser um dos mais rentáveis, o mundo das milhas, é também um dos mais versáteis do mercado. Muitas pessoas ainda acreditam que a única forma de acumular pontos é utilizando apenas o seu cartão de crédito. Entretanto, quem tem acompanhado um pouco mais de perto sobre o nicho, consegue visualizar que existem inúmeras maneiras de aumentar o seu saldo.

Muitas pessoas já encaram as milhas como uma verdadeira fonte de renda. Por isso, hoje nós vamos te mostrar algumas formas de acumular pontos que vão te fazer visualizar este mercado com outros olhos. 

Portanto, se você está iniciando neste mundo e ainda tenta acumular milhas apenas com o cartão de crédito, fique atento às nossas dicas.

O QUE SÃO MILHAS?

Antes de mais nada, é essencial começarmos pontuando sobre um conceito muito básico: As milhas são nada mais que uma forma que as companhias aéreas encontraram de retribuir os seus passageiros mais assíduos. Por isso, elas são acumuladas no que chamamos de “programas de fidelidade”.

Ou seja, as milhas são uma moeda que é retribuída ao cliente todas as vezes que ele utiliza os serviços da empresa ou de parceiras. Contudo, a nossa ideia inicial é te informar que existem outras maneiras excelentes de acumular os seus pontos de forma assertiva e eficaz.

Como falamos, existem muitas formas de somar milhas ao seu saldo. Entretanto, o mais importante neste mercado é saber utilizar as estratégias corretas. Afinal, sem elas, você pode não apenas deixar de ganhar pontos, mas também perder dinheiro!

Veja agora mesmo 3 formas de acumular milhas e quais as melhores estratégias para utilizar em cada uma delas:


COMPRAS COM CARTÃO DE CRÉDITO!

Eis a forma mais popular! Ganhar milhas através do cartão de crédito é a forma mais tradicional e não tem erro. No geral, este método funciona de maneira muito simples: O seu banco ou bandeira estabelece valores em pontos que serão dados a cada X dólares ou reais gastos em compras. 

Exemplo:

Supondo que uma pessoa possui um cartão X com um programa que oferece 3 pontos a cada dólar gasto em compras nacionais e 4 pontos a cada dólar gasto em compras internacionais. A pessoa faz uma viagem internacional e compra 500,00 dólares em roupas. Logo, podemos pressupor que ela irá acumular 2.000 pontos apenas nesta compra. 

Ou seja, neste caso, levando em consideração a cotação do dólar em R$5,24, o milheiro (mil pontos) teria custado R$1.310,00. Sendo assim, como deu para perceber, este é um valor bem alto. Contudo, para a jovem, que estava precisando muito das roupas, esta foi uma compra altamente vantajosa. Por isso, é muito importante analisar cautelosamente todos os dados antes de comprar desenfreadamente a fim de adquirir pontos.

Sempre faça compras planejadas, analise o que mais precisa, veja os valores no mercado e depois finalize com consciência. Assim você vai pontuar e satisfazer o seu desejo.

TRANSFERÊNCIA E COMPRAS BONIFICADAS!

As compras e transferências bonificadas são aquelas que oferecem pontos como bônus para os seus clientes. Para muitas pessoas, esta pode ser uma das melhores maneiras de adquirir milhas atualmente. Por isso, basta estar atento ao seu programa de fidelidade e realizar transações em empresas parceiras. Normalmente os programas lançam promoções diariamente com objetivo de estimular tanto as compras quanto as transferências bonificadas.

Nas compras bonificadas, o cliente compra um objeto em uma loja parceira e recebe alguns pontos em troca pela compra. Normalmente os pontos são distribuídos a cada real gasto. Ou seja, supondo que o programa de fidelidade X esteja oferecendo 8 pontos a cada real gasto em compras na loja Y, o cliente que fizer R$100,00 em compras ganhará 800 pontos.

As transferências bonificadas ocorrem de maneira similar. Suponhamos que a companhia aérea A esteja oferecendo 80% de bônus para os clientes que transferirem pontos do programa B. Logo, aqueles que transferirem 1.000 pontos de B para A receberão 1.800 pontos.

Nesse sentido, o ideal é acompanhar as promoções e aguardar aquelas que oferecem ganhos significativos em ponto. Com as estratégias corretas é possível acumular muitas milhas através de compras e transferências bonificadas.

CLUBE DE MILHAS

Os clubes de milhas são uma espécie de programa dentro do programa. Através deles os clientes de um determinado programa de fidelidade podem realizar uma assinatura e receber benefícios exclusivos por isso. Normalmente, o cliente escolhe um plano que atenda às suas necessidades mensais de pontos. Ou seja, um cliente do programa X resolve fazer parte do seu clube de milhas e começa a pagar uma taxa mensal de R$150,00. Todos os meses ele receberá uma quantia pré determinada de milhas, além de alguns outros benefícios exclusivos que variam de programa para programa.

Sendo assim, os clubes funcionam como um periódico por assinatura. Todos os meses você irá pagar um valor e receber alguns pontos em troca. Em regra os programas oferecem muitos pontos para os assinantes. Por isso, este tipo de estratégia é aconselhada para quem resgata passagens com muita frequência.

AFINAL, QUAL A MELHOR MANEIRA DE ACUMULAR?

Agora que já falamos um pouco mais sobre as principais estratégias para acumular milhas, chegou a hora de dar o veredito. Afinal, qual a melhor maneira de acumular milhas? E, apesar da resposta variar de acordo com o seu perfil de consumo, no geral as compras e transferências bonificadas são a forma mais vantajosa.

Como falamos, os clubes de milhas possuem um valor mensal a ser pago. Por isso, costuma ser mais atrativo para perfis muito específicos, como aqueles clientes que viajam com frequência. Já os cartões de crédito são uma opção boa e segura, contudo, o número de milhas adquirido costuma não ser tão alto.

Já nas compras e transferências bonificadas, é possível acumular números muito altos em pontos e não é necessário pagar nenhum valor fixo por isso. Entretanto, o ideal é aguardar boas promoções e sempre ponderar se aquela transação realmente será vantajosa.


%d blogueiros gostam disto: